fbpx

O ativo de hoje é famoso nas rodas dos carecas e cabeludos: MINOXIDIL!

Esse medicamento era utilizado antigamente, lá na década de 70, na forma de comprimido, para tratamento de pressão alta, e tinha como efeito colateral comum o aumento de pêlos. Então, logo nos anos 80 começaram a utilizá-lo de forma tópica para tratamento de calvície e outras quedas de cabelo, com excelentes resultados.  Inicialmente, foi liberado para homens, e depois foi atestada sua segurança para uso também em mulheres (aqui no Brasil ainad vem escrito an caixinha que é para homens, mas mulheres podem usar sem medo quando seu médico prescrever, OK?) 

Mais recentemente, surgiram novos estudos para utilização no Minoxidil de novo em comprimido (em doses bem menores, manipuladas) para tratamento de patologias capilares diversas, e os resultados tem sido muito animadores!  E o principal efeito colateral vocês já imaginam, né: aumento de pelos no rosto e no corpo também.

Lembrando que ele é um MEDICAMENTO, que deve ser passado pelo seu médico quando indicado! O uso indiscriminado do Minoxidil sem prescrição, que o amigo, a vizinha ou a internet recomendou, pode ser problemático pois não vai tratar toda queda de cabelo, não há orientação sobre efeitos colaterais, contra-indicações, sobre a piora da queda que pode haver no começo e sobre o tempo de uso e tempo necessário para que o remédio faça efeito.

NÃO é solução milagrosa para os cabelos crescerem mais rápido, ele somente deixa os fios na fase de crescimento por mais tempo e engrossa o cabelo que está fino.

Você já usou? Me conta aqui!

Leave a Reply

Pin It on Pinterest