fbpx
O verão está chegando e os dias de maior exposição solar também. Nem precisa dizer que temos que caprichar no protetos solar, né? 
 
A dica de hoje é associar algumas substâncias em comprimido para potencializar ainda mais essa proteção (o chamado protetor solar oral). 
 
São ativos com poder antioxidante, que vão minimizar os danos solares e aumentar a resistência aos efeitos nocivos da radiação ultravioleta, prevenindo ainda mais queimaduras e manchas e atuando no envelhecimento causado pelo sol. Como exemplos, temos o Polipodium leucatomos, Picnogenol, Oli Ola, luteína, licopeno e o betacaroteno.  Alimentação rica em algumas dessas substâncias no período também ajuda muito. 
 
Mas atenção: trata de um benefício complementar, que aumenta e potencializa mas não substitui a ação do protetor solar tradicional, aplicado (e reaplicado) na quantidade correta, além de outras formas de fotoproteção como bonés, roupas UV etc. 
 
Quanto mais proteção melhor! O filtro solar oral é útil para pacientes com pele muito sensível ao sol, que se expõem muito, que possuem antecedente de câncer de pele ou de doenças que causam maior sensibilidade à luz, ou ainda para os que tem muitas manchas como o melasma.
 
E aí, gostou?

Leave a Reply

Pin It on Pinterest